13 julho, 2012

Alanis Morissette na DLDWomen Conference

Alanis Morissette estava ontem DLDWomen conference, confira o video e a tradução da entrevista





Alanis diz que sempre esteve muito conectada com lados opostos da vida. O lado mais escuro e o lado mais claro, dificuldade e facilidade, tumulto e calmaria.
Ever é um nome que simplesmente veio e os amigos e marido gostaram e Alanis acredita que existem outros "Evers" por aí e ela está muito feliz com este nome.
Alanis diz que mulheres tem a capacidade de fazerem várias coisas ao mesmo tempo e por isso se achou capaz de cuidar de Ever e ainda assim escrever um novo álbum e novas músicas porque ela se sente muito inserida na missão de servir ao próximo e a sociedade e que não pode deixar de fazer as coisas. Quando ela não escreve ela se sente depressiva muito rápido e precisa manter esta energia de se expressar circulando o tempo todo.
O fato de servir é muito importante mesmo que às vezes possa ser exaustivo. Alanis está muito conectada espiritualmente com Deus e ela diz que "escuta vozes" de ordens para fazer coisas que a deixem bem, como compor e dormir e ceder energia e dividir e compor.
Alanis escreve diário todo dia por muitos anos e usa todos eles para ajudar compor suas músicas e ela precisa ter coragem de conversar de forma direta com as pessoas e também de lidar com sentimentos como raiva e frustração ou mesmo alegria. E Alanis concorda com Maria quando ela diz que Alanis é como se fosse uma parteira para os pensamentos das pessoas e ela ajuda todas as pessoas a liberarem sentimentos e cuidarem deles quando elas tem dificuldades.
Alanis diz que o processo de cura não acontece para ela no lado artístico e que não há outra forma de curar fora de um relacionamento e que é dentro do compromisso de qualque relação que tudo acontece dentro do processo de cura.
Quando os homens foram para a guerra e as mulheres tiveram que ficar, elas resolveram então fazerem as mesmas coisas que eles mas de forma melhor e então entraram com tudo nessa sociedade patriarcal onde por muitas vezes as mulheres foram perseguidas e acusadas de bruxaria, toda uma inquisição trouxe desarmonia a todas elas que mesmo assim, por raiva ou coragem desejaram seguir em frente com as tarefas e assumir. Não só as funções biólogicas que as mulheres nasceram para fazer, mas para serem independentes sem sermos odiadas pelo o que fazemos.
Alanis diz que homens e mulheres foram maravilhosa feitos de forma diferente mas que as mulheres devem SIM permitirem que os homens sejam provedores, ganhadores e vencedores mas que sejam doadores de todas as necessidades que as mulheres precisam para serem independentes também.
Homens são provedores e para agradecermos a eles por tudo o que eles provêm pois eles se sentem felizes em prover e ver que isso tem resultado na relação.
Para Alanis paixão é a palavra que a conecta com o público e com as músicas e não concorda que artistas precisam ter grandes feridas abertas para serem bons artistas.
O mais legal é Alanis falar sobre a raiva da forma como este sentimento é visto quando está em mulheres mas que isso não necessariamente é prejudicial. Que mulheres não precisam ser 100% boazinhas e obedientes e sorridentes e que a raiva traz intimidade em qualquer relacionamento pois mostrar que está com raiva numa relação mostra mais honestidade do que raiva em si e isso é sensacional e essencial para uma relação.
Alanis diz que com ela já aconteceu muitas vezes de que páginas ficaram em branco por tempos e que ela simplesmente não sente que é o momento e cria outras coisas para fazer, tomar banho ou come sanduíche.
Alanis fica muito feliz quando escreve músicas para ela e que acabam mudando e atingindo o humor e a atitude das pessoas de alguma forma. E isso é servir as pessoas. Muito diferente de quando ela fazia quando tinha 16 anos e escrevia músicas para ela mesma e agora fica feliz que suas músicas são mais conscientes.

Tradução
Debora Commins

Fonte:
Allthingsd

Artigos Relacionados

1 comentários :

Alanis Always disse...

Obrigado pela Visita e Fique a Vontade para Opinar sempre!!
*Duvidas ou Sugestões, Idéias, Divulgações e Parcerias podem ser enviados para:
contato@alanisalways.com
*Não Insultar o Autor ou Leitores das postagens
*Não Pedir parceria por comentários
*Não Publicar Spam ou Similar
*Não use caixa alta (caps lock).
*Seja cordial. Não use palavrões, nem termos ofensivos.
*Não faça spam ou comentários fora do contexto do post.
*Agradecemos elogios, sugestões e críticas construtivas.
*Toda ajuda é bem vinda. Não critique apenas, ajude também

13 de julho de 2012 15:23

Postar um comentário